quinta-feira, 3 de julho de 2014

NÃO JULGUEIS!

No deserto, Satanás tentou Jesus Cristo, usando texto Bíblico.

Hoje, Satanás continua tentando as pessoas, usando um texto Bíblico também.

Ele está fazendo uso de forma direcionada do texto de Mateus 7:1.

Tem muita gente dentro das igrejas defendendo com todo o vigor, conforme Satanás lhes sussurra aos ouvidos, fazendo uso deturpado do texto que lemos em Mateus 7:1!

Essa tática diabólica de não julgar serve para oprimir.

E muitos estão sendo oprimidos.

É muito triste perceber que os que estão sendo oprimidos poderiam receber ajuda dos irmãos. Mas, obedecendo a Satanás, quem poderia ajudar, não faz nada!

Quando uma liderança resolve impor alguma coisa que não tem base Bíblica, o correto é que julguemos conforme a Bíblia e confrontemos essa liderança. Não importa se a liderança tiver o apoio do pastor, ou se até mesmo for determinação do próprio pastor. Se não tiver base Bíblica o correto é não aceitar, mostrando o que a Bíblia diz.

¶ mandamo-vos, irmãos, em nome do Senhor Jesus Cristo, que vos aparteis de todo irmão que anda desordenadamente, e não segundo a tradição que de nós recebestes. 2 Tessalonicenses 3:6

¶ Pelo que exortai-vos uns aos outros e edificai-vos uns aos outros, como na verdade o estais fazendo. 1 Tessalonicenses 5:11

¶ Não extingais o Espírito;
não desprezeis as profecias,
mas ponde tudo à prova. Retende o que é bom;
Abstende-vos de toda espécie de mal.
1 Tessalonicenses 5:19-22

¶ Hipócrita! tira primeiro a trave do teu olho; e então verás bem para tirar o argueiro do olho do teu irmão. Mateus 7:5

¶ Guardai-vos dos falsos profetas, que vêm a vós disfarçados em ovelhas, mas interiormente são lobos devoradores. Mateus 7:15

¶ Portanto, pelos seus frutos os conhecereis. Mateus 7:20

¶ Uma árvore boa não pode dar maus frutos; nem uma árvore má dar frutos bons.
Toda árvore que não produz bom fruto é cortada e lançada no fogo.
Mateus 7:18-19

Fiz questão de apresentar muitos versos do próprio Mateus 7, para que percebam que é necessário ler todo o contexto e não apenas um verso.

Como poderíamos não julgar se precisamos verificar os frutos bons dos maus frutos?

Como poderíamos exortar alguém que está errado se não julgarmos que ele errou?!

Como poderíamos perceber e tirar o argueiro do olho do irmão, se não julgarmos que ele está com o argueiro?

Percebamos, então, que o julgar é uma forma para que a Igreja mantenha a comunhão! E sabemos que Satanás não quer isso! Por isso, incita alguns com esse texto fora do contexto.

Mas, façamos a nossa parte, orientando e exortando quantos pensem assim, para que observem e mudem essa atitude que tanto atrapalha a igreja.

Imagino que esse erro teológico tenha entrado na igreja através de um falso profeta, que fez uso do texto em proveito próprio.

Mas não é assim que aprendemos no próprio capítulo de Mateus 7: 15. Pois se não julgarmos, como poderemos nos guardar dos falsos profetas?!

E nesse caso, especialmente, precisamos julgar com muito critério e cuidado, por causa da dificuldade, pois eles estão disfarçados em ovelhas...

MAS SÃO LOBOS DEVORADORES!

Permitiríamos, então,  que lobos devorem as ovelhas?!

JAMAIS!

Precisamos por tudo e todos à prova!

Deus nos abençoe e use!
Henri - esposo de Sandra - 30 anos.
Membro da ABACLASS

2 comentários:

António Jesus Batalha disse...

Como já algum tempo que não lhe fazia uma visita, hoje passei por aqui
afim de ver e ler os seus trabalhos, fico grato a Deus pela sua firmesa e
dedicação à causa de Rei dos reis.
Desejo que continue a dar-nos bons textos e a ser ser um instrumento nas mãos do grande Oleiro.
Sou António Batalha, do Peregrino E Servo.
Deixo-lhe a minha bênção, e que a paz de Jesus encha sempre seu coração.
Abraço.

Henri Rodrigues da Silva. disse...

Muito obrigado pela visita, António Jesus Batalha, pois é uma honra para mim.
Que sejam proveitosas as letras escritas, principalmente sejam usadas para despertar aqueles que ainda estão deixam transparecer por suas atitudes que ainda dormem...
Deus nos abençoe e use!
Henri- esposo de Sandra - 30 anos.
Membro da ABACLASS